20 de janeiro de 2012

O bolo de cenoura e a calda espetacular de chocolate


E o primeiro post de 2012 é (adivinha?) sobre bolo. O ano passou, fizemos nossa nova lista de desejos, mas certas coisas nunca mudam e eu continuo apaixonada por bolos. E desejo comer muitas fatias neste novo ano, assim como quero estar muito mais presente neste espaço que criamos com tanta alegria. Aliás, janeiro é um mês muito festivo. Completamos 1 ano nesta casa virtual e bolo é o que não vai faltar. O nosso tão amado bolo de cenoura já seria motivo suficiente pra comemorar, mas a celebração fica ainda mais interessante por conta de uma calda espetacular de chocolate que descobri em uma das minhas navegações pela internet. Não lembro ao certo em qual site achei essa maravilha, mas testei, adotei pra minha vida e compartilho aqui com vocês. Esta é uma típica receita do livro da vovó. Caseira e sem frescura. Você pode usar os ingredientes que tiver em casa e fazer as alterações que julgar necessárias. Aproveito a oportunidade para desejar um ano cheio de doçura e delícias.


Bolo de cenoura

Ingredientes:
- 3 cenouras médias
- 1/2 xícara de óleo
- 4 ovos
- 2 xícaras de açúcar
- 2 1/2 de farinha de trigo
- 1 colher de sopa de fermento

Modo de Fazer:

Coloque a cenoura, o óleo, os ovos e o açúcar no liquidificador. Bata bem até desmanchar a cenoura e obter uma massa homogênea. Despeje a mistura em um recipiente e junte aos poucos a farinha, mexendo manualmente com bastante delicadeza. Por último, adicione o fermento e misture devagar. Coloque a massa em uma assadeira untada e enfarinhada e leve ao forno por cerca de 35/40 minutos ou até que o palito saia limpo depois do teste.


Calda de chocolate

Ingredientes:
320 ml de leite
8 colheres de sopa de açúcar
8 colheres de sopa de chocolate em pó ou achocolatado (usei o Nescau que tinha em casa)
4 colheres de sopa de manteiga ou margarina

Coloque todos os ingredientes em uma panela, mexa e leve ao fogo baixo. Deixe ferver por cerca de 50 minutos ou até engrossar. Não esqueça de misturar de tempos em tempos para não pegar no fundo da panela. Não se preocupe em ficar tomando conta da calda, só deixe o fogo baixo para evitar sujeira no seu fogão na hora da fervura. Eu devo ter mexido quatro vezes ao longo do preparo. O ponto da calda depende do gosto de cada um. Eu prefiro uma calda bem grossa, escura e espelhada, mas se você preferir algo mais suave pode retirar a panela do fogo antes.

3 comentários:

  1. rosana (rosana_lopes3@hotmail.com)23 de janeiro de 2012 23:51

    Olá Janaina a semana passada encontrei o seu blog por aacaso e fiquei deslumbrada com o jeito que voce relata as receitas a grande maioria conhecidas, mas voce dá um toque especial, eu tomei a liberdade de copiar a receita do brigadeiro 1/2 amargo com o chocalate belga e fiz para o aniversário da minha sobrinha de 4 anos, foi um sucesso só que fiz ele de colher não sobrou nenhum todos adoraram. Quero te agradecer pela receita virei sua fã. Parabéns pelo aniversário do blog fico na espera de novas receitas. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  2. Rosana,

    Muito obrigada pela visita e pela gentileza das palavras. Fazer o blog e compartilhar experiências é um grande prazer.

    Volte sempre!!!

    ResponderExcluir
  3. Sinceramente esperava mais dessa calda, ficou muito tempo no fogo. ....e ainda assim ficou "rala"😳

    ResponderExcluir